Fábrica da Ford na Venezuela ficará paralisada até junho de 2014

  

Devido aos efeitos da crise que afeta a Venezuela, a fábrica da Ford em Valencia ficará paralisada até junho. Contudo, ainda há uma pequena possibilidade das operações voltarem ao normal, já que Haiman El Troudi, Ministro dos Transportes da Venezuela, busca junto com os representantes do governo e da marca norte-americana solucionar esse problema.

A decisão da Ford foi tomada devido ao câmbio altamente desfavorável na economia local, tornando economicamente inviável a importação de componentes para a produção de veículos na unidade fabril de Valencia. El Troudi confirmou o fato e disse que o governo venezuelano já está em conversas com a fabricante norte-americana para resolver alguns problemas críticos e restabelecer a produção na fábrica dentro de duas semanas. 

Veja também:  IPVA PR 2018 - Valor e Descontos no Paraná

Outro ponto da reunião é a possibilidade do Ministro do Transportes liberar US$ 20 milhões em empréstimo a Ford, tendo em vista que a fabricante norte-americana produziu, devido à crise, apenas 500 veículos nos primeiros quatro meses de 2014.

Além da Ford, outras montadoras também foram atingidas pelos problemas enfrentados na Venezuela. General Motors, Toyota, Mitsubishi e Fiat-Chrysler também sofrem com a escassez de moeda e o câmbio desfavorável. Em fevereiro deste ano, a Toyota suspendeu as atividades fabris na Venezuela pelo mesmo motivo da Ford.

Há cerca de 10 anos, ainda sob o governo de Hugo Chávez, a Venezuela bloqueou a fuga de capital, controlando a moeda estrangeira através de três taxas de câmbio diferentes, dependendo do setor da economia. No entanto, o que mais prejudicou o setor automotivo no país foi o golpe sofrido no fim de 2013, quando o então Presidente Nicolas Maduro, assinou a lei que deu poderes ao governo para controlar os preços dos carros novos e usados. Com essa medida, que fazia parte de uma ofensiva para conter a inflação do país, as vendas sofreram uma queda expressiva de 64% em relação ao ano anterior, com a produção de apenas 3.400 unidades no primeiro quadrimestre de 2014.  




Veja também:  Ford Ka 2018 - Preço, Ficha Técnica e Principais Diferenças

A fábrica da Ford na Venezuela, situada na cidade de Valencia, iniciou suas operações em 1962 e atualmente têm em sua linha de montagem os modelos: Explorer, Explorer Sport, F-Séries, Fiesta e Cargo.

Por Caio Polo

Ford

Foto: Divulgação






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.