Dodge Charger e Challenger serão apresentados no Salão do Automóvel de São Paulo




A Dodge está celebrando o seu centenário neste ano e aproveitou para atualizar novamente seus modelos mais icônicos: o Charger e o Challenger. A dupla foi apresentada durante o Salão de Nova York e já são carros confirmados para o estande da marca norte-americana no Salão do Automóvel de São Paulo, que será realizado em outubro.

O Charger passou por tantas alterações estéticas que são muito semelhantes ao sedan menor da marca, o Dart. A dianteira foi o que mais mudou, já que agora o modelo traz uma grade mais larga e estreita que se integra aos novos faróis, que também passaram por modificações e ganharam molduras de LEDs. De fato o carro ficou mais agressivo, principalmente pela utilização dos LEDs, que marcam presença nos faróis de neblina e na nova lanterna traseira que mantém o mesmo padrão da geração anterior e que está presente no Dart.


Veja também:  Mercedes-Benz EQC 400 - Lançamento, Características

De modo geral, o conjunto óptico ficou mais estreito, alongado e o visual ficou mais harmônico com os traços do veículo, contudo, os apreciadores dos tradicionais Muscle Cars podem ficar com um pé atrás com as alterações.

Mecanicamente, o novo Dodge Charger pode vir equipado com o motor Pentastar 3.6 V6 capaz de entregar 296 cv e torque de 36 kgfm, ou ainda com o bloco V8 5.7 de 375 cv e 54,6 kgfm de torque. Trabalhando em conjunto com ambos os motores está uma transmissão automática de oito velocidades. De acordo com a Dodge, o propulsor V6 e o novo câmbio TorqueFlite fizeram do Charger um carro mais eficiente e econômico.

Diferente do Charger, o Dodge Challenger ainda mantém as linhas originais, com leves retoques pontuais para deixar o coupé moderno. Neste caso, o Muscle Car passa a contar com luzes diurnas de posição compostas por LEDs, nova grade dianteira e para-choques remodelados. As lanternas traseiras também passam a trazer luzes compostas por LEDs, que dão uma aparência retrô e muito interessante ao Challenger.


Veja também:  5 modelos de carros elétricos que você deve conhecer

Porém, as maiores novidades estão sob o capô do modelo, já que o departamento de engenharia da Dodge realizou melhorias no motor V8 6.4 Hemi, que entrega 492 cv e 65,7 kgfm de torque. Acoplado ao bloco V8 está a mesma transmissão automática de oito marchas que equipa o Charger, no entanto, a marca manteve o câmbio manual de seis marchas para a versão de entrada do Challenger.

Tanto o Dodge Charger quanto o Challenger estrearão no Brasil durante o Salão do Automóvel de São Paulo, com início das vendas previstas para o mês de outubro. Os preços ainda não foram confirmados, mas espera que os modelos da Dodge cheguem na casa dos R$ 210 mil, mesma faixa de preços do Mustang e do Camaro.

Por Caio Polo

Dodge Charger e Challenger

Foto: Divulgação

Relacionados



Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.