Recall do Citroen C4 e Peugeot 307

  

No início desta semana, a Peugeot Citroën anunciou a realização de um recall de aproximadamente 130 mil carros. Os modelos do grupo de carros chamados para o recall foram fabricados no período entre 2002 e 2012. Os modelos Citroën C4 e Peugeot 307 estão entre os convocados.

No início deste mês, o grupo Peugeot Citroën deu início ao recall de um total de 130.930 veículos no Brasil. Todos convocados de volta a manutenção por risco de incêndio. Para se ter ideia da extensão do problema, tomemos como exemplo o caso do Citroën C4, que envolve 88.792 carros. E isso inclui as versões do Pallas, VTR e Hatch. O mesmo problema encontrado nestes modelos poderão aparecer em cerca de 42.138 unidades do Peugeot 307, nas versões Hatch, Sedã, SW e CC.

Veja também:  Jeep Renegade 2018 - Características, Preços

De acordo com as informações divulgadas pela empresa, o recall será feito porque há a possibilidade de que um incêndio seja provocado nos veículos. O mesmo seria causado devido ao desprendimento da manta de isolamento acústico que se encontra no vão do motor. Os modelos de carros envolvidos foram fabricados no período que vai de 2002 a 2012.

Segundo o informado, caso o referido componente venha a se soltar, ele poderá entrar em contato com o coletor de escapamento. Isso acabaria por fazê-lo se aquecer e entrar em combustão. Caso algo do tipo aconteça, poderá haver danos físicos tanto aos ocupantes dos veículos como a terceiros.

Em números mais específicos, são 61.120 unidades do Citroën Pallas, 23.318 unidades do modelo Hatch e 4.354 unidades do modelo VTR. No caso do Peugeot 307, são 28.609 unidades do 307 Hatch, 646 unidades do CC, 6.815 unidades do modelo sedã e 6.068 unidades da versão SW.

Veja também:  Chevrolet Onix 2018 - Preço, Ficha Técnica e Principais Diferenças

De acordo com o informado pela Peugeot Citroën, o problema tem sua origem exatamente na remoção da manta de forma inadequada em revisões e manutenções, o que com o tempo poderia ocasionar a danificação do sistema de fixação e causar o desprendimento do componente.




O atendimento aos donos dos modelos que estão na lista está sendo feito de maneira gratuita nas concessionárias da marca. Em caso de dúvida, a Citroën disponibilizou o telefone 0800 011 8088 e o site www.citroen.com.br para informações. Já a Peugeot recebe seus usuários no telefone 0800-703-2424 ou no site www.peugeot.com.br.

Abaixo segue a lista dos modelos atingidos. Vale lembrar que os chassis não são sequenciais.

Peugeot:

  • 307 Hatch: Com fabricação de 07/11/2002 a 28/09/2011 (3Y009801 a CG045957)
  • 307 CC: Com fabricação de 05/04/2004 a 30/04/2008 (4S028734 a 8S012117)
  • 307 Sedan: Com fabricação  de 07/03/2006 a 21/04/2010 (7G001001 a BG004553)
  • 307 SW: Com fabricação de 05/07/2002 a 14/05/2008 (2Y013087 a 8S012032)
Veja também:  Toyota Etios Hatch 2018 - Preço, Ficha Técnica e Análise

Citroën:

  • C4 VTR: Com fabricação de 27/7/2004 a 21/7/2008 (5Y503006 a 9Y501344)
  • C4 Pallas: Com fabricação de 28/12/2006 a 26/9/2012 (7G502811 a DG525826)
  • C4 Hatch: Com fabricação de 20/4/2005 a 26/9/2012 (5Y503015 a DG525906)

Por Denisson Soares






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.