Volkswagen Golf 4,5 – Fim da Produção no Brasil

  

Fabricado no Brasil desde 1999, o Volkswagen Golf IV, conhecido por aqui como Golf 4,5, deixa de ser oferecido no mercado brasileiro. Com a produção encerrada na virada do ano na fábrica de São José dos Pinhais (PR), após o lançamento do novo Golf Comfortline, o modelo antigo foi retirado do site oficial da marca alemã esta semana, sem qualquer campanha de deslançamento.

O modelo, que teve sua produção descontinuada no início do ano e que deixou o mercado brasileiro após 15 anos de produção nacional, saiu sem sofrer grandes reduções no seu preço. Enquanto o novo Golf Comfortline custa R$ 66.990, a geração vendida anteriormente por aqui tinha preços que variavam entre R$ 54.240 (para o 1.6) e R$ 70.148 (para o Sportline 2.0 equipado com o câmbio Tiptronic). Claro que ao chegar nas concessionárias, para manter a geração anterior competitiva, os descontos nas lojas eram mais que certos.

Veja também:  Mercedes-Benz Classe C 2018 - Versões, Especificações

Mesmo com um projeto com quinze anos, o carro ainda agrada ao dirigir. A antiga geração do Golf vendida por aqui tinha suspensões e câmbio muito bem acertados, garantindo uma condução suave e agradável. Contudo, era um conjunto que sofreu uma reestilização tardia, já que a geração 4,5 foi lançada em 2007, com poucos retoques da geração IV lançada em 1999. O modelo vinha com motores 1.6 TotalFlex de até 104 cv ou 2.0 com 116 cv. Em 2008 o bloco 2.0 passou a contar com a tecnologia TotalFlex, passando a oferecer até 120 cv.

Mesmo assim, a Volkswagen deu fôlego ao modelo devido às diversas séries especiais, como as versões GT, a Tech, a Black e a Silver Edition. Em sua primeira fase, ainda como geração IV, houve a versão VR6, que vinha equipada com o bloco 2.8 VR6 de 200 cv e 27 kgfm. A letra R da sigla VR6 aponta o ângulo de 15º entre as bancadas de três cilindros, quase que em um motor em linha.

Veja também:  Toyota Hilux SR Challenge e SW4 2018 - Lançamento e Preço

A VR6 teve apenas 99 unidades vendidas no Brasil, sendo os únicos com duas portas, já que há raríssimos GTI de duas portas por aqui. Seu desempenho ficava aquém do GTI, já que oi VR6 acelerava de 0 a 100 km/h em 7,7 segundos, 0,1 segundo a menos que o turbo, mas tinha velocidade máxima de 209 km/h, enquanto o GTI cravava 227 km/h.




A configuração GTI também era uma das variantes do Golf e deixou de ser produzida e comercializada em 2009. Com motor 1.8 Turbo, o Golf GTI oferecia 180 cv e era um dos carros mais desejados pelos jovens.

A fábrica de São José dos Pinhais (PR), inaugurada justamente para a produção do Golf IV e do Audi A3, já está se preparando para receber a produção da nova geração do Golf e dos modelos Q3 e A3 sedan, da Audi. A produção do Golf VII por lá terá início em fevereiro de 2015.

Veja também:  IPVA AP 2018 - Calendário de Pagamento

Por Caio Polo






Um comentário em “Volkswagen Golf 4,5 – Fim da Produção no Brasil

Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.