Fiat conquistou a ISO 50001 no Brasil



  

A Fiat aumenta o poder sustentável da marca ao ser a primeira fábrica de automóveis, presente no Brasil, que conquistou a ISO 50001, um certificado que qualifica a qualidade na gestão de energia.

De acordo com representantes da marca italiana, para conseguir tal certificado o empreendimento investiu em tecnologias a melhorar o desempenho de energia dos carros na linha produtiva. As mudanças estão presentes do projeto inicial até a montagem final.

Desde o ano de 1994, para cada veículo que a fábrica produz aconteceu uma redução de 50% na porcentagem do consumo de energia. Nos setores de gestão ambiental e de energia, a empresa investiu trinta milhões de reais, nos últimos cinco anos, sem contar com os recursos empregados de maneira indireta para melhorar a tecnologia no setor.

Veja também:  Picapes com maior capacidade de carga do Brasil

A Fiat indica que a economia de energia da fábrica de Betim, em Minas Gerais, proporcionou quantidade energética o suficiente para abastecer um município com oitenta mil pessoas. Inspetores trabalharam para identificar perdas ou oportunidade a reduzir energia em cada espaço da zona industrial.




No ano de 2013, a Fiat implantou cabines de exaustão com inversores de frequência para controlar o motor elétrico que injeta ar fresco no sistema. Durante projetos anteriores, a motorização funcionava de modo ininterrupta e com a capacidade máxima. Com investimento de dois milhões de reais a empresa conseguiu mudar o processo e diminuir consumo da energia em trinta por cento.

O gerente da Fiat na América Latina, Cristiano Felix, indica que a soma dos investimentos às iniciativas energéticas serve no sentido de aumentar a presença global da marca no mundo.

Veja também:  Fiat Uno 2019 - Características, Novidades

Ele também diz que a presença do certificado consiste em melhores resultados não apenas à economia do combustível como também em preservar o meio ambiente natural. Atualmente quase cem por cento da energia elétrica na fábrica de Betim da Fiat vêm de fontes sustentáveis.

Por Renato Duarte Plantier

Fiat

Foto: Divulgação






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.