Recall Jeep Grand Cherokee e Dodge Durango – Problema no Pedal do Freio




Nessa última quarta-feira (2), a Chrysler divulgou uma nota informando que fará o recall de veículos de modelo 2011 a 2014 por defeito nos sistemas de freio. A empresa estava recebendo muitas reclamações de que havia um excesso de firmeza no pedal do freio. A inspeção deve acontecer em cerca de 870 mil unidades da marca, os modelos que serão analisados são: Jeep Grand Cherokee e Dodge Durango. Caso a Chrysler encontre alguma falha no componente, a montadora fará a troca.

A maior parte das unidades que terão que passar pela análise está nos Estados Unidos. São mais de 600 mil carros das 867.795 unidades que estão envolvidas com os possíveis problemas no freio. A Chrysler do Brasil ainda não sabe se os carros importados para cá também estão sofrendo esse mesmo problema. A marca informou que ainda está analisando se os veículos daqui também vão precisar dessa substituição dos freios.

Veja também:  Seguro de Carro Antigo - Como Fazer

A companhia explicou que serão instaladas proteções para resguardar o servo freio contra corrosão causada pela exposição à água. Hoje a Chrysler se encontra sob o controle da Fiat, que agora tem o nome de Fiat Chrysler Automobiles.

O alerta de que existia algum problema chegou à empresa após um acidente ter acontecido por causa das falhas no freio. A própria Chrysler confirmou esse ocorrido em seu comunicado, mas felizmente o acidente não teve feridos. Após esse acontecimento, a empresa achou prudente fazer uma revisão nos modelos. A marca ainda detalhou que o servo freio usado em veículos atuais usa juntas com um revestimento especial projetado para resistir à corrosão.

Veja também:  Mitsubishi ASX 2019 - Preço e Novidades

A Chrysler também fica em total atenção de que algo pior possa acontecer com os modelos com as falhas no freio, depois de os noticiários de todo o mundo criticarem a General Motors, que é acusada de realizar um recall tardio de 2,2 milhões de veículos equipados com cilindro de ignição defeituoso. O problema é coligado a acidentes em que morreram 13 pessoas e que está levando a GM a uma grande crise de imagem. O caso é tão grave que o Congresso Americano realiza uma CPI para investigar a situação, além de fazer a presidente da GM se desculpar na audiência pública.


Por Carolina Miranda

Relacionados



Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.