Mercedes-Benz CLA e Audi A3 sedã, qual escolher?



  

A Mercedes-Benz lançou esse ano o First Edition, o que os especialistas dizem que é o modelo CLA mais enfeitado, com custo de R$ 150.500. O Audi A3 tem um desempenho superior e uma mecânica avançada, mas o preço é mais baixo: R$ 116.400. Por quê?

A comparação mais detalhada dos dois automóveis não consegue identificar o porquê da diferença dos preços. Ambos são importados (em breve os dois serão produzidos no Brasil) e disputam o mesmo público. Fazendo a checagem entre os dois alemães, o resultado é um empate. A única vantagem do Audi A3 sedã é que ele custa R$ 34 mil a menos que a Mercedes First Edition.

As medidas dos dois são parecidas. A Mercedes tem um porta-malas maior. Contudo, o Audi compensa com um incrível motor de 1.8 de 180cv e um sistema duplo de injeção (direta e indireta). Com um motor mais fraco, a Mercedes fica pra trás.

Os dois são modernos e derivados de um hatch, de luxo e com um acabamento impecável. A Mercedes tem um estilo mais jovial e esportivo, ambos possuem tela multimídia no painel, porém, o acessório do A3 se recolhe, do First Edition não.




O que muitos não entendem é porque o carro custará mais de R$ 150 mil. A resposta é: na Europa o automóvel First Edition sem “penduricalhos”, ou seja, o CLA, o preço é semelhante aos dos concorrentes e a produção está toda comprometida para lançá-lo no Brasil agora. Então, a Mercedes decidiu “enfeitar” o CLA (com um sistema de GPS que o Audi A3 não tem de série), encarecê-lo no Brasil com o nome de First Edition e desmerecer a inteligência do consumidor brasileiro.

Entretanto, quem mesmo assim não quiser levar o Audi, pode esperar mais alguns meses que o CLA chega por aqui com um preço bem melhor. O preço salgado do First Edition foi uma jogada da Mercedes para “tapear” os amantes da marca no Brasil.

Por Carolina Miranda






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.