Câmera de ré pode virar item obrigatório nos EUA

  

Enquanto o Brasil começa a adaptar a fabricação e os preços dos automóveis e comerciais leves às novas regras de produção em vigor desde 1º de janeiro de 2014, que obriga a implantação de airbag duplo e freios ABS em todos os carros fabricados em território nacional, os Estados Unidos tentam tornar lei a instalação de um equipamento que chegou há pouco tempo às terras brasileiras, não está presente na maioria dos veículos, mas já conquistou boa aceitação entre os proprietários de veículos: a câmera de ré.

A NHTSA, agência do governo norte-americano que cuida da segurança automotiva, tenta há quase três anos melhorar a implantação do equipamento que auxilia o motorista no momento de uma manobra na rua. É pela câmera de ré, aliada ao sensor de estacionamento, que o condutor tem a exata noção da distância para o carro de trás e se há uma grande aproximação.

Veja também:  Carros SUV Mais Baratos do Brasil 2018

A NHTSA busca uma padronização da visão traseira do motorista, o que pode levar os fabricantes a adotarem a câmera de ré em todos os veículos fabricados. Apesar do avanço, os Estados Unidos ainda não conseguiram implantar o equipamento em toda a sua frota.

É bastante possível que a NHTSA consiga emplacar uma lei que obrigue os fabricantes a instalarem a câmera de ré na totalidade dos veículos produzidos, uma medida que não avançou até agora, justamente por pressão das próprias montadoras.




Em 2010, quando a ideia começou a ganhar uma certa força nos Estados Unidos, os fabricantes alegaram que a implantação da câmera de ré acarretaria em um acréscimo entre US$ 58,00 e US$ 203,00 no preço final do veículo, valor que fatalmente seria repassado ao consumidor. Na época, o governo norte-americano ‘aliviou’ e aceitou que outros equipamentos ‘substituíssem’ a câmera de ré. Só que, ao que parece, agora a situação está completamente inversa.

Veja também:  Nova Shell V-Power - Diferenças na Nova Gasolina Aditivada da Shell

Por Chris Lino

Foto: Divulgação






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.