Carro Movido à Café



Na Inglaterra, um carro movido à café bateu um novo recorde de velocidade reconhecido pelo Guiness Book, através de uma Picape Ford 1989, ao qual alcançou 110 km/h em um campo de aviação em Manchester.

O engenheiro britânico, Martin Bacon, elaborou e desenvolveu por conta própria o projeto de sistema gaseificador que faz a queima de um material orgânico em alta temperatura como os simples grãos de café.



Podemos dizer que funciona como uma espécie de cafeteira aquecida à base de carvão, que consegue gerar gases combustíveis como o hidrogênio, o gás metano e o monóxido de carbono, para alimentar o motor que tem uma combustão adaptada.

Veja também:  Citroen C5 Aircross - Especificações, Características

Esse sistema gaseificador foi instalado na Picape para aquecer os grãos de café até se transformar em combustível. Desta forma, o café consegue alimentar o motor e permitir que a velocidade do carro seja maior.



Segundo Martin Bacon, mesmo com o combustível incomum, qualquer carro totalmente adaptado pode funcionar usando o sistema de gaiseificação de materiais orgânicos sem problema algum, o café é só uma sugestão, pois existe vários outros tipos de materiais orgânicos que também funcionam muito bem.

Por Mariana Rodrigues

Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.