Inflação de itens para carros aumentou em outubro de 2012

  

De acordo com informações da Agência AutoInforme, a inflação, no que se refere a carros, subiu 0,9% no mês de outubro. Esta foi a maior alta de 2012.

O estudo da agência baseia-se nos preços de todos os equipamentos utilizados para o motorista fazer a manutenção do veículo e o manter funcionando. Os itens analisados são os seguintes: impostos para circular, seguros, serviços, peças de reposição e combustível.

Porém, a alta do mês não se reflete em outras áreas. O preço da gasolina, um dos itens mais importantes da inflação do carro, demonstra estabilidade. A alta do combustível é irrisória, de 0,04% e o valor do etanol teve queda de 0,37%.

Veja também:  Fiat Mobi 2018 - Ficha Técnica, Versões



O aumento da inflação no mês de outubro refere-se aos serviços automotores e às peças de reposição do carro. No acumulado geral de 2012, a inflação é de 2,05%, índice que, comparado à inflação oficial do Brasil, é um dos menores.

Apesar deste aumento, o ano de 2012 foi ótimo para vendas de veículos. Com a redução do IPI, a previsão é de que este ano feche com um dos maiores recordes de emplacamento. Para 2013, o governo estuda novas possibilidades para manter esta média.

Por Marcelo Araújo






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.