Meriva pode ganhar Versão Elétrica



A mini-van Meriva é bem conhecida do público brasileiro. Por aqui ela é vendida pela Chevrolet. Já na Europa, como não podia deixar de ser, o veículo leva o nome da Opel em sua carroceria. Bem, é de lá, do braço europeu da GM que vem os primeiros detalhes sobre a Meriva elétrica.

Nas palavras da própria Opel, por fora a Meriva até parece um veículo pronto para ser produzido. Mas com seu motor elétrico de 60 kW com 80 cv de força e autonomia 64 Km/h e 130 km/h de velocidade máxima, a Meriva elétrica é apenas um protótipo, um veículo experimental, que ainda tem muito caminho a percorrer antes de chegar às ruas.

Veja também:  Volkswagen T-Cross Sense para PCD 2020 - Preço e Novidades


Um de seus maiores problemas como dá para notar é a autonomia. 64 km é muito pouco. Além disso, outro questão precisa ser melhorada: o carregamento. Apesar de ser possível recarregar as baterias em apenas uma hora, para isso é preciso achar uma tomada de 400v. O que não é nada fácil ainda.

Por Maximiliano da Rosa



Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.