Chrysler tem alta nas vendas nos EUA



O mês de fevereiro não foi bom para as vendas de carro nos EUA, comparado ao mesmo mês do ano passado. A única excessão a essa regra foi o Chrysler, que registrou aumento nas vendas.

A marca vendeu quase 85 mil carros em fevereiro, mas 58% desse total foi vendido para frotistas, que não são consumidores e, sim, grandes empresas que adquirem carros.



Ou seja, apenas 35 mil carros foram vendidos nas concessionárias, diretamente para a mão do público, interessado em comprar um carro novo.

A Chrysler confirmou, dizendo que realmente foi um bom mês de venda para frotistas, mas a venda feita dessa forma, mesmo em grande quantidade, costuma ter um retorno muito baixo. Em comparação, dos 144 mil carros que a GM vendeu, apenas 31% foram para frotistas.



Por Fabrício Fuzimoto

Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.