DER-PE não irá multar motoristas por farol desligado durante o dia


     

A partir do dia 17 de agosto o DER-PE não irá mais multar os condutores de veículos que trafegarem em 15 estradas estaduais da região com o farol desligado durante o dia.

A Região Metropolitana de Recife (RMR), a mais antiga do país, uma das três mais densas do Brasil e a mais próspera do Norte-Nordeste, possui uma população de 4.046.845 habitantes, segundo o IBGE, e se caracteriza pela pujança econômica, pela sua densidade habitacional; além da intensidade do tráfego de veículos que cortam cidades, como: Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Itapissuma, Camaragibe, entre outras.

No entanto, a surpresa dos últimos dias, e que tem a ver com a Lei do Farol Baixo, foi a decisão do DER-PE (Departamento Estadual de Estradas de Rodagem em Pernambuco) de que a partir desta quarta-feira (17) não irá mais multar os condutores de veículos que trafegarem em 15 estradas estaduais da região com o farol desligado durante o dia.

A justificativa para a decisão foi a de que, diferentemente de outros países onde vigoram leis semelhantes à Lei do Farol Baixo, no Brasil as estradas não possuem sinalização adequada, placas com a indicação de que ali vigora a lei e nem tão pouco campanhas educativas que expliquem a sua importância.

Foi numa reunião que contou com especialistas do Conselho Estadual de Trânsito e da Policia Rodoviária, que ficou acertado que durante os próximos 40 dias a Lei do Farol Baixo deverá ser suspensa nas rodovias estaduais da Região Metropolitana de Recife, até que essas medidas citadas acima sejam postas em prática.

Somente entre os dias 8 e 9 de agosto, na região, foram computadas quase 230 multas, equivalentes a R$ 85,13, para motoristas que trafegavam com o farol apagado nessas rodovias; além da retirada de 4 pontos das suas carteiras de habilitação.





Veja também:  Hyundai Veloster Turbo - Lançamento e Preço no Brasil

No Brasil, desde que a lei entrou em vigor no dia 08/07/2016, já foram autuados quase 15.000 motoristas, cerca de 38 por hora (só em São Paulo); criando um certo mal-estar entre os condutores de veículos, os quais ainda resistem à obrigatoriedade da lei, devido, entre outras coisas, há, segundo eles, baixa redução do número de acidentes nos países onde a lei vigora; além dos gastos com aumento do consumo do combustível (devido ao uso constante do farol) e dos gastos com a troca das lâmpadas (que têm agora a sua vida útil reduzida pela metade).

No entanto, a Lei do Farol Baixo segue vigorando no país, a despeito de algumas reclamações e ações como essa do DER-PE, de deixar de multar, durante os próximos 40 dias, os condutores de veículos que trafegarem nas rodovias estaduais da Grande Recife com o farol desligado.

Por Vivaldo Pereira da Silva

Farol na rodovia

Um comentário em “DER-PE não irá multar motoristas por farol desligado durante o dia

  1. Essa lei caça níquel tem que cair mesmo, pois torna os motoristas vítimas de exposição ao ridículo devido a sua ineficácia!

Inserir um comentário