GM anuncia Recall de Veículos por Risco de Incêndio


     

Chamado atinge cerca de 1,4 milhão de veículos, a maioria vendido nos Estados Unidos.

Foi diagnosticado um problema envolvendo um possível vazamento de óleo do compartimento do motor no cano de descarga em veículos da fabricante automobilística americana General Motors.

Em situações que exijam freadas bruscas, esses veículos podem provocar o vazamento de óleo sobre o cano de descarga, aliado a uma temperatura elevada, pode provocar um incêndio.

O problema pode provocar incêndio e foi constatado que compreende veículos produzidos entre os anos de 1997 e 2004, a maioria nos Estados Unidos. No total, estima-se que o vazamento esteja afetando mais 1 milhão e 400 mil veículos.

Mais de 90% desse total encontra-se nos Estados Unidos, englobando mais de 1 milhão e 283 mil veículos. A grande parte restante encontra-se nos países do México e Canadá, com mais algumas unidades em outros países. Nenhum dos modelos diagnosticados com o problema até o momento foi vendido no Brasil.

Veja também:  Hyundai New Tucson 2017 - Características e Lançamento




Entre sedãs e cupês de tamanho médio, todos com motorização de 3.8, a GM indica os seguintes modelos: Pontiac Grand Prix fabricados entre 1997 e 2004, Chevrolet Lumina dos anos de 1998 e 1999, modelos do Chevrolet Monte Carlo produzidos entre os anos de 1998 e 2004, Buick Regal de 1997 a 2004, Oldsmobile Intrigue dos anos de 1998 e 1999 e o Chevrolet Impala com fabricação compreendida entre os anos de 2000 e 2004.

Felizmente, apesar do problema não ter causado nenhum falecimento até o momento, 19 pessoas já ficaram feridas em virtude do problema mecânico nos últimos 6 anos.

Segundo um porta-voz da General Motors, já houveram 2 tentativas de sanar esse mesmo problema, ambas sem sucesso. A mesma solicitação foi realizada nos anos de 2008 e 2009 e pelo fato dos reparos não terem resolvido o problema, a gigante fabricante americana trabalha em uma outra forma de solução para esse problema envolvendo o risco de incêndio.

Veja também:  Lançamentos de carros populares para 2017

Jean Fretta Pereira

Inserir um comentário