Novo Chevrolet Prisma 2014

Vote nessa matéria: 1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas6 estrelas7 estrelas8 estrelas9 estrelas10 estrelas

     





A Chevrolet, que é uma das marcas de automóveis mais conhecidas do mundo, não quer ficar para trás nesse ano de 2014 e, por conta desse objetivo, a empresa está investindo cada vez mais em carros luxuosos e de preços altos.

Um exemplo dessa aposta é o Chevrolet Prisma 2014, um carro muito bonito e moderno e que veio para conquistar públicos e pessoas de todos os estilos e gostos. O Prisma traz direção com assistência hidráulica, coluna de direção com ajuste de altura, chave do tipo canivete com abertura do porta-malas por botão, vidros elétricos dianteiros, alarme, protetor de cárter, ABS, entre outras funções que são de suma importância para quem está em busca de um veículo cheio de qualidades de vantagens.

A única desvantagem desse carro, reside, sem sombra de dúvidas, no seu valor, afinal seu preço está muito caro.

Preços das versões do Prisma:

LT 1.0: R$ 34.990
LT 1.4: R$ 39.090
LTZ 1.4: R$ 45.990

Seja bem como for, o conforto desse veículo pode ser um diferencial para alavancar seu número de vendas. O  modelo é idêntico ao Onix na dianteira e no interior. Grande mudança está na traseira. A motorização é a mesma do hatch, com o propulsor flex desenvolvendo 80 cv com etanol e 78 cv com gasolina.

Pois bem, o carro é super potente e é ideal para quem procura segurança e, ao mesmo tempo, comodidade para dirigir numa boa. O Chevrolet Prisma, com suas cinco versões, espera vender bastante e acredita que as pessoas ficarão felizes com as pequenas mudanças que foram feitas.

O carro é bastante moderno, muito confortável, bem econômico, com 10 km/lt na cidade com ar ligado e muito engarrafamento, a suspensão é bem acertada. Para quem quer ter um sedã médio, o Prisma 2014 parece ser uma escolha bem mais que acertada. 

Por Jaime Pargan

Fiat 500 4 doors(164) Novo Chevrolet Prisma 2014

Foto: divulgação

perfil Novo Chevrolet Prisma 2014


Participe! Deixe um comentário sobre esta matéria.

Quer realizar um comentário?





RSS RSS (comentáos)